A Sinusite é uma espécie de inflamação da mucosa que reveste os seios da face (região do crânio formada por cavidades ósseas ao redor do nariz, maçãs do rosto e olhos). Essa cavidade é forrada internamente por uma mucosa muito parecida com a do nariz, que também produz muco. A secreção é drenada dentro do nariz, por pequenos orifícios que unem os seios da face com as fossas nasais. Quando esses orifícios ficam obstruídos, seja pela secreção, inchaço ou por outra causa, o seio da face fica sem comunicação com o nariz, totalmente fechado e sem circulação de ar. O muco produzido, então, não tem para onde ir e se acumula, facilitando a proliferação de microorganismos. Assim se forma a sinusite, que pode ser viral, bacteriana ou por algum tipo de alergia. Sendo dividida ainda em aguda ou crônica. 

O Dr. Rogério Pinto Brandão, otorrino na Clínica José Pinto Brandão, em Campina Grande, explica que “os sintomas mais comuns são a secreção amarelada ou esverdeada, dor de cabeça, febre, entupimento nasal, tontura e mal-estar. Entretanto, outros sintomas como dor de dente, dor de garganta, rouquidão, tosse, mau cheiro no nariz e mau hálito também podem estar associados à doença”, finaliza o Dr. Rogério Pinto Brandão, otorrino na Clínica José Pinto Brandão, em Campina Grande. O diagnóstico da sinusite se dá por meio de exame clínico do paciente. O médico pode ainda confirmar a suspeita com um raio X dos seios da face e, se necessário, uma tomografia. 

Fundada pelo Dr. José Pinto Brandão em 1970, a Clínica que leva o seu nome na cidade de Campina Grande, conta com uma equipe de otorrinolaringologistas, fonoaudiólogos e cirurgião de cabeça e pescoço, tratando também de atendimentos específicos através da Clínica do Sono.